Botafogo e Universidad César Vallejo entram em campo nesta quinta-feira (20), às 21h, no Nilton Santos, em busca da primeira vitória na Copa do Sul-Americana. Com o estádio cheio a seu favor, o Alvinegro vem embalado por três vitórias consecutivas (em três competições diferentes). Porém, terá pela frente um velho conhecido. Afinal, ninguém menos do que o ídolo Loco Abreu é o técnico do time peruano.

Botafogo, com gol de Tiquinho, empatou na estreia da Sul-Americana – Foto: Vitor Silva/Botafogo

A partida terá transmissão pela plataforma de streaming Paramount+.

Como chega o Botafogo

O momento do Glorioso é bom. Depois da turbulência com a eliminação no Campeonato Carioca e atuações ruins, tanto na estreia da Copa do Brasil quanto na própria Sul-Americana, a equipe carioca agora já ostenta oito partidas sem derrota e dá tranquilidade para o trabalho de Luís Castro. Por isso, as críticas ao português parecem ter cessado, sobretudo, com as vitórias sobre Ypiranga (fora de casa, pela Copa do Brasil) e São Paulo (na reabertura do Niltão, pelo Brasileirão, no último sábado).

Assim, a expectativa é a de que o Botafogo aproveite seu favoritismo e garanta os três pontos. A LDU venceu mais uma no grupo e já abriu vantagem na liderança. Em caso de mais um empate, o Alvinegro seguiria em segundo lugar, mas embolado com Magallanes e César Vallejo.

Para isso, a equipe não contará com os dois laterais-esquerdos do elenco. Marçal e Hugo estão lesionados e, novamente, darão lugar a Rafael, que jogará improvisado. No meio de campo, a dúvida é entre Danilo Barbosa e Lucas Fernandes.

Como chega o César Vallejo

O time de Loco Abreu, por sua vez, não atravessa uma boa fase. Isso porque venceu apenas uma vez nos últimos cinco compromissos. O César Vallejo é, portanto, o quinto colocado no Campeonato Peruano e vê o trabalho do ex-atacante uruguaio começar a ser questionado. No fim de semana, empate em 1 a 1 com o Atlético Grau, nos domínios do adversário.

O atacante Yorleys Mena é a principal esperança ofensiva, com seis gols na temporada. Na defesa, o comando fica por conta de Carlos Ascues, de 30 anos. Ele já teve passagens pelo futebol português e alemão, além da seleção do Peru.

Loco Abreu está empolgado em retornar ao estádio alvinegro, no qual é o maior artilheiro, e sabe que vai receber o carinho do torcedor antes e depois que a bola rolar. Além disso, a convite de seu ex-clube, o uruguaio reviveu as memórias de sua passagem com o filho, Diego, que defende o time sub-20 do Botafogo e dá continuidade ao legado da família Abreu.

BOTAFOGO X CÉSAR VALLEJO
Segundo jogo da fase de grupos da Copa Sul-Americana
Data e hora:
20 de abril, às 21h
Estádio: Nilton Santos
Árbitro: Maximiliano Ramirez (ARG)
Assistentes: Gabriel Chade (ARG) e Sebastian Rainieri (ARG)
Quarto Árbitro: Nicolas Lamolina (ARG)
VAR: Hernan Mastrangelo (ARG)
Onde assistir: Paramount+
BOTAFOGO: Lucas Perri; Di Plácido, Adryelson, Víctor Cuesta e Rafael; Tchê Tchê, (Lucas Fernandes) Danilo Barbosa e Eduardo; Gustavo Sauer, Júnior Santos e Tiquinho Soares. Técnico: Luís Castro
CÉSAR VALLEJO-PER: Grados; Cabello Anagua, Ascues, Garcés e Vásquez; Fuentes, Ysique, Rodríguez, Vélez e Vanegas; Mena. Técnico: Loco Abreu

Comentários