A Premier League votou nesta quinta-feira (6) a continuidade do VAR para a próxima temporada, após proposta apresentada pelo Wolverhampton. De acordo com informações da ‘BBC Sports’, para que a proposição dos Wolves fosse aceita, 14 dos 20 clubes deveriam concordar. No entanto, o clube acabou sozinho nesta questão, tendo sido o único a votar a favor.

Clubes
Premier League anuncia melhorias no VAR para próxima temporada – Foto: Lindsey Parnaby/AFP via Getty Images

Por meio de um comunicado divulgado em seu site oficial, a Premier League garantiu a continuidade do sistema, mas afirma que serão feitas melhorias na utilização em prol do espetáculo.

“Os clubes da Premier League votaram hoje a favor de continuar a operar o VAR na Premier League. Embora o VAR produza uma tomada de decisão mais precisa, foi estabelecido que melhorias devem ser feitas para o benefício do jogo e dos torcedores”, diz o comunicado da liga.

LEIA MAIS: Premiação da Bola de Ouro tem data definida. Vini Jr no páreo!

Contudo, apesar da votação desfavorável, a proposta dos Wolves resultou em melhorias na arbitragem de vídeo, em parceria com a PGMOL, entidade que regula a arbitragem da Premier League.

As melhorias do VAR na Premier League incluem:

  • Maior prudência no uso do VAR para reduzir interrupções no jogo.
  • Diminuição dos atrasos nos jogos com o uso de tecnologia de impedimento semiautomático.
  • Melhor experiência para os torcedores no estádio, com menos atrasos, anúncios dos árbitros após mudanças de decisão pelo VAR e, sempre que possível, replays para explicar as decisões.
  • Colaboração com a PGMOL para aprimorar o treinamento dos árbitros no uso do VAR, tornando-o mais robusto, consistente e preciso.
  • Aumento da transparência sobre o VAR, divulgando as comunicações do Match Center da Premier League e em programas de transmissão.
  • Implementação de uma campanha de comunicação para esclarecer o papel do VAR aos torcedores e partes interessadas.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Comentários