O São Paulo mostrou poder de reação no segundo tempo e arrancou, nos acréscimos, empate em 2 a 2 com o Juventude na noite desta quarta (20), no Estádio Alfredo Jaconi, na partida de ida pela terceira fase da Copa do Brasil. Pitta e Óscar Ruíz abriram o placar para os gaúchos no primeiro tempo, mas Arboleda e Reinaldo igualaram na etapa final – o lateral são-paulino anotou aos 47 minutos em pênalti que gerou muita reclamação dos anfitriões.

As notas dos jogadores do São Paulo

Pitta abriu o placar para o Juventude no primeiro tempo – Fernando Alves/ECJuventude

O jogo de volta será no dia 12 de maio, às 19h30, no Morumbi. Quem vencer avança para as oitavas de final do torneio. Novo empate leva a decisão da vaga para os pênaltis.

Veja aqui os jogos da Copa do Brasil

Primeiro tempo

Faltou tudo ao São Paulo na etapa inicial. Apáticos, assim como na maioria dos jogos fora de casa, e sem o mínimo de criatividade, os comandados de Rogério Ceni viram o Juventude dominar as ações e abrir vantagem com tranquilidade. Primeiro, com Pitta de cabeça aos 24 minutos, após boa troca de passes; depois, com Óscar Ruíz, que acertou um tirambaço de fora de área, livre de marcação. O Tricolor limitou-se a trocar passes sem atacar o rival.

Segundo tempo

O São Paulo voltou melhor com as entradas de Rodrigo Nestor, Nikão e do estreante André Anderson. Logo aos dois minutos, Arboleda aproveitou escanteio e apareceu livre para descontar. Ceni promoveu outras mudanças, e o time, sem a apatia de antes, ficou mais compactado no meio de campo diante de um  Juventude que ainda levou algum perigo em cobranças de falta ou chutes de fora da área. Forster ainda balançou a rede, mas a arbitragem apontou impedimento. No apagar das luzes, após boa jogada de Patrick, a bola tocou na mão de Paulinho Moccelin. Reinaldo converteu o pênalti após muita reclamação dos donos da casa e deu números finais ao confronto em Caxias do Sul.

 

JUVENTUDE-RS 2 x 2 SÃO PAULO

Jogo de ida da 3ª fase da Copa do Brasil

Data: 20/4/2022
Local: Estádio Alfredo Jaconi (RS)
JUVENTUDE: César; Rodrigo Soares (Rômulo, aos 42′ do 2ºT), Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Jadson, Yuri Lima, Óscar Ruíz (Edinho, aos 22′ do 2ºT; depois, Guilherme Parede, aos 28′ do 2ºT); Capixaba (Jean, aos 27′ do 2ºT), Isidro Pitta (Vitor Gabriel, aos 42′ do 2ºT) e Paulinho Moccelin. Técnico: Eduardo Baptista.
SÃO PAULO: Jandrei; Igor Vinícius, Miranda, Arboleda e Reinaldo; Pablo Maia, Talles Costa (Nikão, intervalo), Gabriel Sara (Rodrigo Nestor, intervalo) e Alisson (Patrick, aos 31′ do 2ºT); Luciano (André Anderson, intervalo) e Calleri. Técnico: Rogério Ceni.
Gols: Pitta, aos 24′ do 1ºT (1-0); Óscar Ruíz, aos 33′ do 1ºT (2-0); Arboleda, aos 2′ do 2ºT (2-1); Reinaldo, de pênalti, aos 47′ do 2ºT (2-2).
Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães
Auxiliares: Daniel do Espírito Santo Parro e Thiago Rosa de Oliveira
Cartões amarelos: Vitor Mendes, William Matheus e Guilherme Parede (JUV); Luciano, Reinaldo e Arboleda (SAO)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Comentários